Lucro da Visa cai 28% com maiores provisões maiores para impostos

30 Out (Reuters) - A Visa, maior empresa de cartões de crédito do mundo, teve queda de 28 por cento no lucro trimestral devido a maiores provisões para imposto de renda.

O lucro líquido atribuível à Visa caiu para 1,19 bilhão de dólares, ou 1,85 dólar por ação classe A, ante 1,66 bilhão de dólares um ano antes, ou 2,47 dólares por papel.

A receita operacional total subiu 9 por cento, para 2,97 bilhões de dólares.

Analistas esperavam, em média, que a companhia lucraria 1,85 dólar por ação, sobre uma receita de 3,02 bilhões de dólares, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

Os resultados da Visa foram atingidos por uma provisão para imposto de renda de 574 milhões de dólares. A empresa não deu nenhuma razão para a elevação do provisionamento tributário.

Os volumes de pagamento com a bandeira Visa cresceram 13 por cento no trimestre, para 1,1 trilhão de dólares.

A empresa também anunciou um novo programa de recompra de ações no valor de 5 bilhões de dólares.

(Por Tanya Agrawal)

See all articles from Reuters
Loading...

Friend's Activity